diHITT - Notícias Cheque Sustado: O papel da blogosfera no debate social - #BlogProg da grande Natal

Postagens populares

quinta-feira, 19 de abril de 2012

O papel da blogosfera no debate social - #BlogProg da grande Natal

originalmente publicado na revista Palumbo de fevereiro/março
por Tiago Aguiar e Adriana Amorim

O início de março foi de grandes debates na capital potiguar. Ocorrido no período de 2 a 4, no campus Cidade Alta do IFRN, o 1º encontro de blogueiros progressistas da Grande Natal trouxe em sua programação temas como blogosfera, liberdade de expressão, educação, políticas públicas, cultura, propriedade intelectual, rumos do desenvolvimento da Grande Natal e Internet. A abertura contou com mais de 120 participantes, entre blogueiros e usuários das redes e mídias. À mesa estava o premiado e polêmico jornalista Amaury Ribeiro Jr., autor de A Privataria Tucana - o maior fenômeno no mercado editorial brasileiro atual.

A historiadora Conceição Oliveira - ou Maria Frô, como é conhecida na rede - abriu os debates e lembrou a força das redes e mídias sociais na mobilização que resultou na ocupação da Câmara Municipal de Natal: "É um prazer estar na primeira cidade a fazer um 'ocupare' em nosso país ao tomarem conta da Câmara". Ainda nessa questão, o jornalista Leandro Fortes (Carta Capital) foi enfático: "No futuro, quando se estudar as redes e mídias sociais no Brasil, o caso de Natal será considerado nosso Marco Zero". Fortes também lembrou os blogueiros potiguares F. Gomes e Edinaldo Filgueira, mortos em sua livre expressão, ainda sem resposta honrosa da justiça. "Os opressores estão sendo oprimidos pela força da rede, que os transformam em pequenos ratos que se alimentam bem".

Panorama Plural:
Outros temas como cyberativismo e o lado obscuro das mídias sociais receberam à mesa Antonino Condorelli (Diálogos Criativos), Ana Cecília Aragão (Cibertrans), Camila Loureiro (ICAP) e mediação de Ion de Andrade (Portal Falariogrande.com.br). Para discutir o universo cultural da blogosfera estiveram presentes o representante do Ministério da Cultura para o Nordeste, Fábio Lima; o presidente da cooperativa dos músicos, Esso Alencar; o jornalista Tácito Costa (Substantivo Plural); e o procurador Marcelo Othon, com mediação do jornalista Sérgio Vilar (Palumbo/Diário de Natal).

A relação entre educação e as novas tecnologas foi tema discutido entre os professores e blogueiros Arnon de Andrade (UFRN), Marcos Silva (USP) e Cláudia Santa Rosa (IDE) e mediação do jornalista Ruy Rocha (UFRN). O último debate, mediado pelo economista Sérgio Telles, contou com a presença de Aldemir Freire, que lidera as ações do IBGE no Rio Grande do Norte; e da procuradora do Município de Natal e integrante do Comitê Popular da Copa, Marise Costa.

O evento foi uma iniciativa de militantes e ativistas dos direitos humanos e pela democratização da comunicação, dentre outras causas, e contou com o apoio do RNBlogProg (www.rnblogprog.org), IFRN Cidade Alta, Sinsenat (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Natal), H3 Odonto Home Care, Fundação Jos´pe Augusto, Natal Praia Hotel e Love Ofertas.

"SE NÃO FOSSE A BLOGOSFERA, O LIVRO A PRIVATARIA TUCANA NÃO TERIA ACONTECIDO"




Amaury Ribeiro Jr. foi a estrela do evento. E se alguém esperava discurso político favorável ao PT, se surpreendeu ao saber que o jornalista é incomodo para petistas e para tucanos, sobretudo quando critica a política de privatizações. "A privatização dos aeroportos está sendo uma tragédia. Quem vai pagar a conta? A última coisa a ser privatizada seria um aeroporto", explanou o escritor. Veja mais na entrevista:

Você imaginava que seu primeiro livro tivesse tanta repercussão?
Amaury Ribeiro Jr.: Não. E, nem esperava que fosse tão vendido, que chegasse a ter recorde de vendas. Já são mais de 120 mil exemplares vendidos e continua nas primeiras posições dos rankings de livros mais vendidos do país. A gente já fez varias edições do livro, cada uma de vinte mil cópias. No início, a Veja até tirou a sessão de livros mais vendidos da revista, mas depois tiveram que voltar atrás. Isso não é jornalismo

O primeiro pontapé das concessões dos aeroportos à iniciativa privada se deu aqui, no Rio Grande do Norte, em São Gonçalo do Amarante. Qual a sua avaliação sobre esta onda de concessões?
Amaury Ribeiro Jr.: Acho que não tem a mínima diferença do que foi feito algum tempo atrás. A privatização dos aeroportos brasileiros põe por água abaixo tudo o que o PSDB não conseguiu no passado. A nova onda no Pará é privatizar a saúde, a educação, tudo! Em Minas Gerais, a turma do Aécio quer privatizar os presídios. Daí vem o PT e privatiza os aeroportos. Não dá para entender.

Você não tem perfis na internet. Retirou após a repercussão do livro?
Amaury Ribeiro Jr.: Nunca tive um perfil sequer. Acompanho, só não entro. Questão de segurança mesmo. Mesmo assim, o livro foi lançado em 9 de dezembro (de 2011) durante um evento organizado pela blogosfera independente. E a blogosfera chega nesse caminho de trazer liberdade. Se não fosse ela, o livro não teria acontecido.

Você já foi ameaçado ou processado por causa do conteúdo da obra?
Amaury Ribeiro Jr.: Não, nenhum. Tudo é documentado em ações na justiça e, por isso, não tem como alguém impetrar uma ação. Vejo as pessoas que me atacam e são sempre as mesmas. Penso que elas devem ter muito ciúme, muita inveja ou vontade de aparecer. Eu sou processado pelo Presidente do PT (Ruy Falcão) por um depoimento que dei à Polícia Federal. Se eu mentir, sou processado; falando a verdade, também. Este é o Brasil dos poderosos. Ele me cobra R$ 1 mil e só com advogado eu gasto mais de R$ 10 mil. Isto é um absurdo!

O que você pode adiantar do seu próximo livro, Poderosos Pedófilos?
Amaury Ribeiro Jr.: Ainda não tem data certa de lançamento. Estou terminando este livro que mostra pessoas pedófilas que têm ligação com o poder, como policiais, políticos, gente do conselho tutelar, e até os próprios pais (durante o evento o jornalista recebeu informações da platéia acerca de dois personagens potiguares que têm seus nomes atrelados a casos de pedofilia: um vereador de Natal e um deputado estadual). É um assunto polêmico que vai trazer esse perfil dos pedófilos. Diferente do que aconteceu com A Privataria Tucana, que ganhou notoriedade através da internet livre, Poderosos Pedófilos ganhará uma série de reportagens produzidas pelo núcleo investigativo em que faço parte, na TV Record.



Veja as falas dos palestrantes no evento:





Em breve mais vídeos serão publicados

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe

Leia Mais

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...